1º Festival de Poesia de São Paulo

Festival de Poesia de São PauloTerminam no dia 30 de setembro as inscrições para a 1ª edição do Festival de Poesia da cidade de São Paulo. Os trinta finalistas devem participar de um evento que será realizado em outubro, no Centro Cultural São Paulo. Como parte do projeto Correspondência Poética, os poemas selecionados serão distribuídos gratuitamente em pontos e terminais de ônibus e espaços culturais da capital paulista.

Treze poetas serão premiados financeiramente. O primeiro colocado, escolhido pelo público, recebe três mil reais, o segundo e o terceiro colocados, escolhidos por cinco jurados, recebem, respectivamente, dois mil e mil reais. Os outros dez selecionados, também apontados pelo júri, ganham um prêmio de cem reais e menções honrosas. O regulamento completo está aqui.

Os poetas precisam ter mais de 16 anos e viver na cidade de São Paulo. A inscrição deve ser feita com um vídeo com o poema recitado. O site do evento tem um breve tutorial para ajudar a fazer o upload das produções.

O Metro Nenhum

O Metro Nenhum - Francisco AlvimÉ difícil falar de poesia. Dificuldade pessoal, preciso ler mais. Por isso vou deixar o comentário sobre O Metro Nenhum, do brasileiro Francisco Alvim, assim, como o livro, em poucas palavras. É um livro sensível. É um livro de mensagens curtas. É um livro de ritmo longo. Não é prosa poética, é desesperança, amor, envelhecimento, finitude e cotidiano, trivialidades, em forma de lirismo. Pequenos poemas. Separei meus favoritos, que são também os menores.

A mão treme

O olhar idem
Ninguém dançava
Aí eu fiquei preocupado

 

A minha pessoa

Só tem
Serve?

 

Encontro

Faz muito tempo que eu não ria
assim
de verdade

 

Acontecimento

Quando estou distraído no semáforo
e me pedem esmola
me acontece agradecer